Posted tagged ‘Equipe’

O que faz uma profissional de comunicação em uma empresa de pesquisa?

12 de março de 2010

É o que todo mundo mais me pergunta. Bem, vamos lá…

Me chamo Mariana Tupiassu, sou coordenadora de comunicação da Interpreta. Entrei na graduação de jornalismo em 2005. Nos primeiros dois anos de faculdade as áreas de atuação eram limitadas. Falava-se muito em mídia de massa e assessorias de imprensa. Ponto!

Estamos em 2010. De lá pra cá muita coisa mudou. Os bits invadiram de forma definitiva o nosso dia-a-dia e a internet virou extensão das nossas vidas. Lembrei de McLuhan que falou em comunicação como extensão da vida do homem.

Hoje, um jornalista pode jogar em muitas áreas da comunicação. Todavia, livre do campo de atuação que se escolha, ele precisa entender de publicidade, marketing e de interatividade. O jornalista dos dias de hoje tem obrigação de saber usar as redes sociais, as mídias convencionais e conciliar on com off.

Todo mundo caiu na rede. Todo mundo se comunica. E as marcas, mesmo que involuntariamente, ganharam comunidades em Orkut, comentários sobre seus produtos no twitter e são cobradas diariamente por respostas pelos usuários.

A Interpreta é uma empresa que produz um volume enorme de informações relevantes para o mercado paraense. Seria injusto não participar um pouco desse conhecimento com a sociedade.

A minha missão aqui, enquanto comunicadora que sou, é transformar em linguagem acessível para os tantos receptores de hoje um conhecimento restrito aos especialistas em negócios.

O que uma comunicadora faz em uma empresa de pesquisa? Eu faço comunicação. E comunicação nos dias de hoje é resposta a uma demanda social.

Quer falar comigo? Mande um e-mail para comunicacao@interpreta.com.br

Anúncios

Coordenadora de Pesquisa da Interpreta fala sobre seu trabalho

10 de março de 2010

Nos últimos anos, o profissional de estatística vem sendo cada vez mais procurado pelo mercado, em virtude da velocidade de produção de informações e aumento da concorrência. A coordenadora de pesquisa da Interpreta – graduada em estatística, especialista em bioestatísica e pós-graduanda em marketing pela ESPM – explica o seu trabalho e fala um pouco da sua vida pessoal.  

Valéria conta que muita gente ainda não entende a importância da sua profissão. “Todo mundo que pensa em estatística, pensa logo em moda, média e mediana. E isso é só o mínimo que o estatístico pode fazer. Existem outras técnicas, de conhecimento exclusivo da minha profissão, e que oferecem resultados muito mais ricos”, conta.  

Segundo a coordenadora de pesquisa da Interpreta, saber só a quantidade de pessoas que consome determinado produto não é suficiente. Hoje é necessário conhecer a fundo as características desse consumidor.

Ela conta que seu trabalho não permite erros. “Preciso coordenar a coleta de informações, tabular dados, gerar relatório e encaminhar para análise. Nós trabalhamos com respostas para um dono de uma empresa tomar uma decisão. Por isso não podemos errar”, explica.  

Embora ocupe uma função que exige bastante dedicação, Valéria consegue ter seus fins de semana livre, e não tem vergonha de admitir que gosta de fazer “nada”, como por exemplo dormir muito. A jovem coordenadora também é fã de filmes em casa, um cineminha com seu namorado e exímia cuidadora de seus três cachorros.

Quer falar com Valéria? Mande e-mail para pesquisas@interpreta.com.br

Quem é Marcelo Magalhães? (Diretor da Interpreta)

2 de março de 2010

O Diretor da Interpreta é Mestre em Administração pela USP. Começou sua vida profissional aos 19 anos e desde então projetos e desafios passaram a fazer parte da vida de Marcelo. Hoje ele vive em ponte aérea Belém-São Paulo, trazendo novidades em pesquisa e educação continuada para sua empresa.

Em contato com outros pesquisadores da USP, identificaram e selecionaram as Novas Tendências do Mercado Consumidor que em suas visões, mais impactarão o mercado de consumo brasileiro. É fruto dessa pesquisa a Palestra de Tendências já apresentadas para grandes empresas de Belém.

Em seu tempo livre, Marcelo gosta de cozinhar para os amigos, além de se arriscar em esportes como corrida e natação. Marcelo define-se como alguém que gosta de se alimentar com outras coisas, fora negócios. Coisas que “engrandecem a alma”.

Quer falar com o Marcelo? marcelo@interpreta.com.br ou no twitter/mcmagalhaes